Conheça o ISE: Índice de Sustentabilidade Empresarial

ISE

Se há poucos anos a sustentabilidade era um conceito frequentemente associado aos “ecochatos”, hoje ela pode ser considerada um pré-requisito para que uma empresa prospere no mercado. Prova disso é a evolução dos mecanismos e ferramentas que ajudam a avaliar, classificar e comparar as organizações com base em suas iniciativas voltadas à sustentabilidade. Essas iniciativas vêm ganhando cada vez mais força entre empresas e investidores e, por isso, não podem ficar de fora do radar dos gestores e dos empreendedores. No artigo de hoje você vai conhecer uma dessas iniciativas: o Índice de Sustentabilidade Empresarial, o ISE. Continue acompanhando!

O que é o ISE

ISE é a sigla para Índice de Sustentabilidade Empresarial, um ranking usado para analisar a performance das empresas que estão listadas na BM&FBOVESPA quando o assunto é sustentabilidade corporativa.

Vale lembrar que, ao contrário do que algumas pessoas ainda pensam, a sustentabilidade não se refere somente ao equilíbrio ambiental, mas também à eficiência econômico-financeira, à justiça social e à governança corporativa.

Como é calculado

A carteira de organizações listadas no ISE é atualizada a partir de questionários respondidos pelas empresas interessadas em participar do índice. As companhias podem se inscrever em três categorias: enquanto na categoria “simulado” qualquer empresa listada na BM&FBOVESPA pode participar, nas outras duas — “elegível’ e ‘treineira” —, é preciso que as empresas possuam ações entre as 200 mais líquidas da BM&FBOVESPA.

Na última carteira, que irá vigorar até 2016, estão listadas 51 ações de 40 empresas, que representam 19 setores econômicos. Para garantir que o ISE reflita a realidade do mercado, ele conta com um processo de auditoria independente feito pela empresa KPMG.

Se você quer entender melhor como as empresas podem calcular a sua eficiência através da gestão ambiental, leia o nosso post “O que são indicadores de desempenho ambiental?” e conheça outros tantos indicadores além do ISE.

Meio ambiente em foco

O questionário do ISE, desenvolvido pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas, avalia as empresas a partir de quatro conjuntos temáticos: políticas (indicadores de comprometimento), gestão (indicadores de programas, metas e monitoramento), desempenho e cumprimento da legislação.

Ainda que amplo, o questionário tem um foco especial no meio ambiente: as perguntas referentes a esse tema são desenvolvidas especificamente para o setor econômico em que a empresa se enquadra, garantindo que os impactos ambientais de suas atividades sejam devidamente abordados.

Missão nobre

O principal objetivo do ISE é estimular a adoção de boas práticas de sustentabilidade entre as empresas listadas na bolsa. Além disso, o mecanismo ajuda os investidores a priorizarem a alocação de seus recursos em empresas que possuam, de fato, a responsabilidade social e ambiental como valores em sua atuação.

Para servir a esses objetivos, o ISE ajuda a diferenciar as empresas com base em critérios como a qualidade de seus produtos e serviços, o compromisso com o desenvolvimento sustentável, a transparência na prestação de contas, o desempenho econômico-financeiro, social e ambiental, entre outros.

Para uma empresa, figurar na seleta lista do ISE contribui para a construção de uma reputação de preocupação com a sustentabilidade corporativa. Mas, para o mercado e a sociedade como um todo, os ganhos são bem maiores: a classificação estimula nas empresas a inovação, a constante busca por vantagens competitivas e o compartilhamento do conhecimento.

E você? Quer tornar a sua empresa mais consciente sobre a sustentabilidade, mas não sabe por onde começar? Então que tal fazer um diagnóstico online? Acesse nosso site agora mesmo e confira este e outros serviços prestados pela WayCarbon! Se você ficou com alguma dúvida, escreva para nós através dos comentários!

mudanças climáticas

Compartilhe esse conteúdo

Tags