MOVE é apresentado na Semana de Soluções Climáticas

As mudanças climáticas estabelecem dois grandes desafios para a sociedade: a redução das emissões de gases de efeito estufa (GEE) e a busca pelo aumento da resiliência de populações e economias mais vulneráveis ao aquecimento global. O presente momento é determinante para o planeta.  O ano de 2015 é chave para a tomada de decisões e mudanças de hábitos que possibilitarão um futuro com baixas emissões de carbono.

Semana das Soluções Climáticas / Semana do Clima

Entre os dias 30 de outubro e o dia 6 de novembro será realizada no Rio de janeiro a “Semana das Soluções Climáticas”, iniciativa que objetiva incentivar o debate voltado para as questões relativas às mudanças climáticas no Brasil e no mundo. A iniciativa faz parte do evento “Mudanças Climáticas, Somos Todos Responsáveis”, que será realizado no Planetário da cidade do Rio de Janeiro, organizado em conjunto pela Delegação da União Europeia no Brasil, WWF-Brasil, Fundação Planetária do Rio de Janeiro, Ministério do Meio Ambiente e a Prefeitura do Rio de Janeiro.

A Semana das Soluções Climáticas busca elevar o conhecimento sobre a realidade das mudanças climáticas e a importância das ações de cidadãos, comunidades, sociedade civil, administração pública e indústria na adoção de soluções que contribuam para endereçar todos os aspectos relacionados à questão.

Objetiva-se o engajamento das pessoas e a exposição de políticas de sucesso replicáveis, do Brasil e da União Europeia, tanto ao público em geral quanto a stakeholders específicos. Serão reunidas soluções e oportunidades que reduzam as emissões de carbono, melhorem a qualidade de vida das pessoas e contribuam para aumentar a capacidade de mitigação e de adaptação aos efeitos climáticos.

MOVE – Avaliação de Vulnerabilidades

Além das atividades gratuitas, abertas ao público, o local incluirá uma conferência técnica voltada para especialistas do Brasil e da União Europeia.

O projeto “Model for Vulnerability Evaluation” (MOVE), da WayCarbon, manterá um stand no evento, ao longo de toda a semana, fornecendo alternativas metodológicas para que os políticos, gestores de bacias hidrográficas e tomadores de decisão possam avaliar o grau em que um sistema natural ou humano é capaz de lidar com os efeitos adversos das mudanças climáticas. Tal avaliação é realizada por meio de análises de vulnerabilidade desenvolvidas pela plataforma do próprio projeto.

O MOVE foi um dos projetos selecionados pela organização do evento dentre as diversas propostas submetidas, advindas de iniciativas públicas e privadas.

Conheça melhor a ferramenta:

Quer saber mais sobre a ferramenta MOVE e onde já foi aplicada? Clique aqui.

Veja toda a programação da Semana do Clima, clique aqui.

 

Comentários

comentários

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail
rss