Reciclagem de veículos: você já pode dar um fim no seu carro!

Reciclagem de veículos: você já pode dar um fim no seu carro!

reciclagem de veículos

É isso mesmo. A partir de 2015 você, brasileiro como eu, pode dar um fim no seu carro. E não estou falando em deixá-lo em casa para ir trabalhar de ônibus ou metrô, ou trocá-lo por uma bicicleta. Estou falando de reciclagem de veículos!

Dentre as várias questões que afligem a nossa vida moderna, certamente uma delas não é o último suspiro do seu carro, certo? Lembra do possante da época da faculdade? Que fim terá levado o companheiro de guerra, de férias e festas?

Reciclagem de veículos

Na verdade, 86% de um carro pode ser reciclado (ISRI). Os Estados Unidos são líderes em reciclagem de veículos, anualmente 12 milhões de carros são enviados para reciclagem. Como consequência, 20% do peso de uma carro novo fabricado nos Estados Unidos é composto por material reciclado. A Europa, segue em segundo no ranking com 8 milhões de veículos reciclados por ano e tem uma meta ambiciosa de atingir 95% de reciclagem de veículos, em massa, até o final de 2015. O principal material reciclável são os metálicos, como o aço (69%). Mas plásticos (9%), metais não ferrosos (8%), vidro (3%), borrachas (2%), baterias (1%) e carpetes (1%) também podem ser reciclados.

E no Brasil? Existe essa possibilidade?

No Brasil, a prática é inexistente. Mas este cenário vai mudar em Fevereiro de 2015. Foi assinado em Outubro de 2014 um Memorando de Entendimentos (MoU) entre a Agência Japonesa de Cooperação Internacional (JICA) e o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET MG). Este acordo permitiu a implantação da primeira usina de reciclagem veicular no Brasil que passará a operar no próximo mês. Utilizando-se de tecnologias de ponta, a planta instalada em Belo Horizonte poderá reciclar 95% de um veículo no final da vida útil. Adicionalmente, a JICA investirá R$ 1 milhão na formação de professores e profissionais nas técnicas e tecnologias empregadas na unidade de reciclagem.

Além do benefício direto na recuperação de materiais e redução dos impactos ambientais, a reciclagem de veículos contribuem com reduções no consumo de eletricidade da ordem de 75%. Destes, 56% apenas pela reciclagem do aço. Como curiosidade, o maior reciclador de carros está no País de Gales e é capaz de triturar a carcaça metálica de 450 carros por hora! Um versão menor do engolidor de carros pode ser visto no video a seguir. O triturador em Jersey City acaba com um carro em apenas 10 segundos e processa 4 mil toneladas de metal todos os dias.

 

Compartilhe esse conteúdo

Tags